Aplicação da termografia na prática clínica do fisioterapeuta no futebol

O futebol é uma atividade de alta intensidade, no qual o consumo de oxigênio dos atletas atinge em média 80-90% do Vo2 máximo (Bangsbo et al., 2003; Weineck et al., 2004). Essa elevada exigência metabólica pode gerar marcadores bioquímicos de dano muscular, como o nível sérico de lactato sanguíneo, e ter como consequências a sensação retardada de desconforto, presença…

Fatores biomecânicos associados com o tempo para completar a tarefa de mudança brusca de direção (cutting)

A habilidade de mudança brusca de direção é um importante componente de muitos esportes de campo, incluindo futebol (Bloomfield et al., 2007), rugby (Green et al., 2011) e jogos gaélicos (Keane et al.,2010). Treinadores buscam, através de exercícios, intervir em fatores que limitam o desempenho dessa habilidade. Sendo assim, é importante que fatores biomecânicos relacionados com a performance da…

Quais são os testes e as consequências da Rigidez de Quadril?

Níveis inadequados de rigidez articular passiva do quadril têm sido associados à ocorrência de disfunções do movimento e desenvolvimento de patologias (CARVALHAIS et al. 2010). Chesworth et al. (1991) descreveram o método padrão ouro na avaliação da rigidez articular passiva do quadril, que utiliza o dinamômetro isocinético como medida. No entanto, trata-se de um equipamento…

Saiba como identificar e prevenir o estiramento dos IQS

Descrito inicialmente para jogadores de futebol australiano, o teste Single Leg Hamstring Bridge (SLHB), identifica indivíduos que possuem histórico de estiramento de isquiossurais (IQS). Considerando que o estiramento de IQS é a lesão mais prevalente no futebol profissional, traçar estratégias preventivas para reduzir a sua incidência, reincidência e tempo de afastamento é mandatório. A única…